Notícias
« voltar Gás || Publicado em: segunda-feira, 12 de agosto de 2019
Petrobras terá seis competidores em gás na região Centro-Sul

Ao menos seis empresas vão competir com a Petrobras pelo mercado de gás do Centro-Sul nos próximos anos. As distribuidoras de gás canalizado abastecidas pelo gasoduto Bolívia-Brasil (Gasbol) – MSGás (MS), Gas Brasiliano (SP), Compagas (PR), SCGás (SC) e Sulgás (RS) – concluíram a segunda fase da chamada pública conjunta para contratação de gás natural para depois de 2020.

Após concluírem as análises comparativas das propostas recebidas, as concessionárias estaduais avançaram para a terceira etapa, na qual as distribuidoras, de forma individual, negociarão diretamente com os supridores selecionados. Isso porque, embora a chamada seja coordenada, os contratos são individuais e baseados nas necessidades de cada mercado atendido pelas companhias.

Petrobras, Shell, Total e a boliviana YPFB avançaram para a terceira fase de negociações diretas com as distribuidoras MSGás, Gas Brasiliano, Sulgás e Compagas. A SCGás ainda não informou a lista de empresas que avançaram para a terceira fase da chamada pública.

Além dessas quatro empresas, a Repsol e a empresa de gás natural liquefeito (GNL) Golar Power estão em negociações com a Sulgás.

A Cocal Energia, por sua vez, avançou para a terceira fase, para fornecimento de biometano para a Gas Brasiliano.

MSGás, Gas Brasiliano, SCGás, Sulgás e Compagas preveem contratar um volume total de 10 milhões de metros cúbicos diários, com o início do suprimento previsto para 2020.

Fonte: Portos e Navios
SITE PRODUZIDO POR WORLD DESIGNER
Detrans do Brasil
Acre AlagoasAmapáAmazonasBahiaCearáDistrito FederalEspírito SantoGoiásMaranhão Mato GrossoMato Grosso do SulMinas GeraisParáParaíbaParanáPernambucoPiauíRio de JaneiroRio Grande do NorteRio Grande do SulRondôniaRoraimaSanta CatarinaSão PauloSergipeTocantins