Notícias
« voltar IAA Commercial Vehicles || Publicado em: terça-feira, 25 de setembro de 2018
Eletrificação e sistemas inteligentes de condução são destaques na IAA2018

A 67ª Edição do IAA Commercial Vehicles – a maior feira de transportes do mundo – que acontece em Hannover, na Alemanha, de 20 a 27 de setembro, reafirmou as tendências que vem norteando a indústria do transporte de cargas e passageiros em nível mundial, em especial na Europa. O evento, que conta com a participação de mais de 2.000 expositores, reúne o que existe de mais avançado em produtos e serviços para o setor e deve atrair a presença de mais de 250 mil visitantes, de todas as partes do mundo.

Em 2018, mais uma vez, as vans, ônibus e caminhões elétricos dominaram a paisagem da feira, ao lado dos veículos conectados e também de condução autônoma ou assistida. Sem contar os veículos híbridos ou movidos por combustíveis alternativos, impulsionados pelo aumento do rigor das leis de emissões e, ainda, os avanços da tecnologia digital voltada para a mobilidade.

A Volkswagen Caminhões e Ônibus, que agora integra o Grupo Traton, aproveitou o evento para fazer o lançamento mundial do e-Delivery. A novidade concebida no Brasil já recebeu encomendas de 1.600 unidades e posou ao lado do Volksbus e-Flex, equipado com um engenhoso sistema de arquitetura flexível para eletrificação. Em outra frente, a empresa anunciou que sua plataforma aberta batizada de RIO vai estar disponível no Brasil até março de 2019, com uma ampla oferta de produtos digitais, incluindo o RIO Security, destinado ao controle da carga e do veículo.

Versões bicombustíveis

Já a Scania mostrou na IAA 2018, no estande da Traton do qual também faz parte, os caminhões híbrido elétrico plug-in (PHEV), baseado na nova geração de caminhões da marca, e seu congênere, o caminhão elétrico híbrido (HEV), ambos com o novo sistema Scania Zone, baseado na internet das coisas. Mas, não abriu mão em apresentar versões bicombustíveis para uso em motores a combustão, por considerá-las mais adequadas a curto prazo, do ponto de vista da viabilidade comercial

A Daimler, por sua vez, controladora da Mercedes-Benz, mostrou o novo ônibus elétrico eCitaro, que reforça a forte investida da marca em direção à eletrificação. Junto com os utilitários Sprinter e Vito na versão elétrica, o Fuso eCanter e até o pesado eActros igualmente movidos exclusivamente a baterias. Outra novidade no estande da Daimler foi o veículo conceito Vision Urbanetic, uma sinalização das vans do futuro. A novidade pode transportar tanto cargas quanto passageiros, dependendo da configuração, a partir de carrocerias intercambiáveis que podem ser acopladas a um chassi de impulsão elétrica, de forma totalmente autônoma.

Os veículos elétricos também foram destaques no estande da Volvo Trucks, que mostrou os novos FL e Fe Eletric.  Dotados de propulsão 100% elétrica, eles começam a ser comercializados a partir desse ano na Europa, para uso em zonas urbanas e na coleta de lixo. Em paralelo, a montadora exibiu os FM LNG e FH LHG, introduzidos em 2017, para uso em operações regionais e de longa distância, que utilizam gás natural liquefeito (GNL) ou biogás. Como solução de futuro a Volvo trouxe seu caminhão-conceito batizado de Vera, de concepção autônoma e propulsão elétrica, que dispensa a cabine do motorista e pode ser usado em operações controlada e repetitivas.

Inovation Van

Fornecedora mundial de sistemas de transmissão e tecnologia de segurança passiva e ativa, a ZF aproveitou a realização da IAA para apresentar novidades que integram os princípios da automação, conectividade e eletrificação. Caso, por exemplo, da ZF Inovation Van, um veículo equipado com funções de direção autônoma nível 4, que permite a circulação em zonas urbanas sem o auxílio de condutor. Além disso, o veículo pode executar tarefas como estacionar através de um controle remoto. Ou seguir o operador, enquanto esse caminha até o local de entrega da carga. "Em um futuro próximo, veremos mais veículos autônomos em áreas restritas como pátios de empresas e terminais de cargas, de forma mais rápida do que em vias públicas. O custo-benefício, a segurança e a eficiência para os clientes farão a diferença neste caso”, atesta Wolf-Henning Scheider, CEO da ZF Friedrichshafen AG.

Fonte: Frota & Cia
SITE PRODUZIDO POR WORLD DESIGNER
Detrans do Brasil
Acre AlagoasAmapáAmazonasBahiaCearáDistrito FederalEspírito SantoGoiásMaranhão Mato GrossoMato Grosso do SulMinas GeraisParáParaíbaParanáPernambucoPiauíRio de JaneiroRio Grande do NorteRio Grande do SulRondôniaRoraimaSanta CatarinaSão PauloSergipeTocantins